A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES COMO INSTRUMENTO DE RESSIGNIFICAÇÃO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA

Francisca das Chagas Silva Lima, Maria da Glória Carvalho Moura

Resumo


O presente artigo reflete sobre a formação continuada e suas repercussões na prática pedagógica. Utiliza como referencial teórico-metodológico o materialismo histórico-dialético. Para desenvolvimento do estudo adotou-se uma abordagem qualitativa com base na pesquisa bibliográfica e documental sobre as concepções de formação no contexto das políticas educacionais contemporâneas. Como resultados conclui-se que a formação continuada de professores cria possibilidades de ressignificação da prática docente e espaços de fortalecimento da relação teoria e prática.

Palavras-chave: Formação continuada. Políticas educacionais, Prática pedagógica.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26694/les.v1i1.8242

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Linguagens, Educação e Sociedade



BASES E INDEXADORES
 
 
       
 
 
   
 
 
       
 
 
     
 
 
 
Licença Creative Commons